Assim que fiquei sabendo de um mangá em apenas duas partes que seria inspirado e homenagearia o filme os Sete Samurais de Akira Kurosawa, fiquei na expectativa. Passaram-se vários meses e a JBC finalmente colocou em sua agenda de lançamentos esse título que fora anunciado em 2016. Comprei. Eis que me surpreendo com o período que se passa o mangá de Mizutaka Suhou: um futuro longínquo onde o planeta havia passado por uma guerra devastadora.

Das cinzas da guerra descobrimos que seus heróis, guerreiros armados apenas com sua espada, já estavam praticamente esquecidos. Talvez a palavra ‘esquecidos’ não seja a ideal, mas ‘ultrapassados’ funcione melhor. Aqueles aclamados heróis agora não tinham mais espaço em um mundo de paz, assim, muitos se tornaram párias errantes procurando um trabalho digno, alguns se tornaram mercenários e saqueadores.

Após uma breve apresentação do cenário, passamos a acompanhar o jovem Katsushiro Okamoto, um entusiasta da época dos samurais que decide se tornar um e ir procurar aventuras na cidade grande. Acontece que ele não chama muita atenção, assim como a classe de guerreiros está relegada ao esquecimento. Até que encontra com Kikara uma jovem sacerdotisa que veio à cidade procurar samurais que possam salvar sua vila de mercenários.

A partir de então vemos a busca e recrutamento de velhos soldados perdidos nas ruas e buscando seu sustento. É interessante como a vida dos samurais é retratada como pessoas de segundo escalão, mas que também só aceitam o trabalho para uma vila de fazendeiros por estarem relegados a essa situação. A honra é segundo plano para muitos que procuram apenas por um prato de arroz.

Enfim, Suhou, o autor do mangá, conseguiu traduzir a obra de Kurosawa para uma ficção científica juvenil sem perder a essência da obra cinematográfica. Temos todos aqueles elementos de crítica social do original ao mostrar a vida dos guerreiros que se tornaram obsoletos depois da guerra, suas angústias e os momentos depressivos na busca de encontrar seu novo lugar na sociedade.

 

Comentários

Copyright © 2017 Tapioca Mecânica.
Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Luke Design Studio




Copyright © 2017 Tapioca Mecânica.
Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Luke Design Studio

Share This